Uma centena de navios chineses invade águas territoriais da Malásia

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

25 de março de 2016.

As autoridades malaias declararam que pretendem tomar todas as medidas necessárias para garantir segurança.

Cerca de 100 navios e barcos registrados na China entraram em águas territoriais da Malásia no mar do Sul da China, informou a agência noticiosa Bernama, citando o ministro da Defesa Nacional do país Shahidan Kassim.

O incidente aconteceu na quinta-feira (24) na região de recifes Luconia a norte da ilha Kalimantan.

As autoridades malaias ordenaram à Marinha do país seguir a situação no mar do Sul da China.

Segundo Kassim, serão tomadas medidas necessárias para garantir segurança se se tornar público que os navios entraram em águas da zona económica especial do país.

Pequim não compreende as preocupações da Malásia sobre os navios chineses.

Em resposta às declarações de Kassim o porta-voz da chancelaria chinesa, Hong Lei, disse que é possível que não compreendeu alguns detalhes prestados pelas autoridades malaias.

“Queria notar que agora é tempo de pesca no mar do Sul da China. Neste momento todos os anos, em águas mencionadas operam e realizam pesca arrastões chineses”, disse Lei.

Através do mar do Sul da China passa uma terça de transporte de cargas marítimas, o a sua plataforma continental é rica de petróleo. Nesta região ficam vários territórios que são recamados pela China, Brunei, Vietnã, Malásia e as Filipinas.

Fonte: Sputnik.

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||