Rússia pode instalar mísseis no oriente para responder à defesa antimíssil na Coreia

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

08 de julho de 2016.

Sistema de defesa antiaérea S-400

A Rússia pode posicionar unidades de mísseis no leste do país com raio de alcance até à zona de localização do sistema de defesa antimíssil (DAM) da Coreia do Sul, informou sexta-feira à agência RIA Novosti o primeiro vice-chefe do Comitê de defesa e segurança do Conselho da Federação da Rússia Yevgeny Serebrennikov.

Antes, a mídia, citando o anúncio do Ministério da Defesa da Coreia do Sul, anunciou que Washington e Seul acordaram em instalar a DAM na península coreana. Segundo o documento, o sistema não terá outros alvos exceto os mísseis da Coreia do Sul.

"Vamos levar em consideração no nosso planejamento militar a decisão de instalação do sistema de defesa antiaérea pelos americanos na Coreia do Sul. Juntamente com o Ministério de Defesa serão elaboradas soluções concretas que visam reforçar a influência nesta direção, inclusive através do aumento de unidades de mísseis e terrestres", disse Serebrennikov.

O senador não exclui que os planos de recuperação da base militar nas ilhas Curilhas, tendo em conta a instalação do sistema de defesa antimíssil, "podem ser adiantados para um prazo tempo mais próximo".

De acordo com Serebrennikov, as medidas destinadas a reforçar a segurança da Rússia de possíveis ameaças já estão sendo tomadas. Alguns dias atrás, o senador esteve presente em eventos dedicados ao posicionamento de um regimento de defesa antiaérea perto de Abakan, na República de Khakássia.

Fonte: Sputnik.

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||