Rússia não permitirá envio de armas a zonas ocupadas por rebeldes de Aleppo

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

29 de julho de 2016.

Província de Aleppo, na Síria

A Rússia não permitirá o envio de armas do exterior a zonas ocupadas da cidade síria de Aleppo, controladas por rebeldes. A declaração é do vice-ministro da Defesa russo, Anatoli Antonov, nesta sexta-feira (29).

“Não permitiremos de nenhuma maneira o envio de armas do exterior a zonas controladas pelos rebeldes”, disse Antonov em um comunicado de imprensa. 

Ele também comentou que em caso necessário se abrirão corredores para comboios humanitários que se dirigem a Aleppo. 

Atualmente o centro de Aleppo está sob controle do Exército governamental e os arredores estão sendo controlados por jihadistas. Se os militares sírios conseguirem liberar completamente Aleppo dos terroristas, um milhão de refugiados sírios retornarão à cidade. 

Antes do início da guerra Aleppo, que era considerada a capital comercial da Síria, tinha 5 milhões de habitantes.

Fonte: Sputnik.

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||