Rússia diz que não aceitará pressão dos EUA e promete uma firme resposta

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

02 de dezembro de 2016.

A Rússia não aceitará as tentativas de pressão por parte dos EUA e se reserva ao direito de impor uma firme resposta à ações inamistosas, afirma o novo conceito da política externa russa, publicada nesta quinta-feira no portal oficial de informações legais.

"A Rússia não aceita a realização extraterritorial da jurisdição dos EUA, foram do âmbito do direito internacional. Não aceita as tentativas de pressão militar, política, econômica ou de outro tipo e se reserva ao direito de uma firme resposta à ações inamistosas, inclusive através do fortalecimento da defesa nacional e da adoção de medidas equivalentes ou assimétrica", determina o documento oficial.

Além disso, segundo o texto, a Rússia considera a criação de um sistema global de escudos antimísseis dos EUA uma ameaça e se reserva ao direito de adotar medidas de resposta adequadas.
 
"A Federação da Rússia parte do princípio de que as negociações sobre a futura redução de armamentos estratégicos serão possíveis somente após considerar todos os fatores, sem exceção, que afetam a estabilidade estratégica global. A Rússia considera a criação de uma sistema global de escudos antimísseis dos EUA como uma ameaça à segurança nacional e se reserva ao direito de adotar medidas de resposta adequadas", postula o novo conceito da política externa russa.
 
Fonte: Sputnik

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||