Rússia critica ataques da Turquia contra curdos na Síria

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

15 de fevereiro de 2016.

Rússia taxou de provocação os ataques turcos contra posições curdas e do regime de Bashar al-Assad no norte da Síria, que, segundo Moscou, ameaçam a paz na região.

"Moscou expressa sua profunda preocupação sobre as ações agressivas por parte das autoridades turcas", afirma, em um comunicado, a chancelaria russa.

"Ancara prossegue em uma linha provocadora, que está criando uma ameaça para a paz e a segurança no Oriente Médio", acrescenta.

O primeiro-ministro da Turquia, por sua vez, afirmou que seu país não deixará a cidade síria de Azas, situada perto da fronteira turca, cair nas mãos dos curdos.

"Não deixaremos que Azaz caia. As Unidades de Proteção Popular [milícias curdas] não poderão avançar para o oeste do rio Eufrates nem para o leste de Afrin", afirmou o Ahmet Davutoglu.

Também reclamou que os combatentes curdos sírios se retirem do aeroporto de Minnagh, que foi tomado na semana passado em seu avanço para Azaz, na província de Aleppo.

Pelo terceiro dia consecutivo, a artilharia turca bombardeou de sua fronteira as posições das milícias curdas em represália, segundo o governo, pelos disparos procedentes da Síria.

Fonte: AFP.

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||