Putin: Rússia deve neutralizar quaisquer ameaças militares à segurança nacional

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

19 de novembro de 2016.

 

O objetivo principal da Rússia é neutralizar ameaças à segurança nacional, declarou o líder russo, Vladimir Putin, na reunião com responsáveis do Ministério da Defesa da Rússia.

"Nosso objetivo é neutralizar de maneira eficaz qualquer ameaça militar à segurança da Rússia, incluindo as que estão relacionadas com a criação da defesa antimíssil estratégica, a implementação do conceito de ataque global rápido e as guerras de informação", disse o presidente da Rússia.

Ele também abordou o assunto da criação de sistemas de armamento, sublinhando que a Rússia cumpre rigorosamente os compromissos internacionais assumidos, enquanto alguns países ignoram os acordos anteriormente alcançados.

Putin frisou que a Rússia continuará sempre fazendo tudo para prevenir que outros alterem o equilíbrio estratégico de forças.

"Nós consideramos as tentativas de alterá-lo, destruí-lo [equilíbrio das forças estratégico], são muito perigosas", disse Vladimir Putin.

Em meados de maio, a OTAN colocou em serviço o sistema norte-americano Aegis Ashore na base romena de Deveselu.

Esta base de interceptores faz parte do sistema de defesa contra mísseis balísticos, que já inclui quatro destróiers dos EUA localizados na base de Rota, sul de Espanha, e um radar na Turquia, e no futuro serão também instalados radares e sistemas antimíssil em Redzikowo, Polônia.

A colocação de sistemas antimísseis dos EUA na Europa provoca a forte rejeição da Rússia, que interpreta essa implantação como uma ameaça à sua capacidade de contenção nuclear.

Fonte: Sputnik

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||