Putin diz que Rússia será forçada a responder se EUA saírem do tratado de armas

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

05 de dezembro de 2018.

 

O presidente russo Vladimir Putin disse nesta quarta-feira que a Rússia será forçada a responder se os Estados Unidos saírem do Tratado de Controle de Forças Nucleares de Alcance Intermediário (INF, na sigla em inglês).

Os EUA deram um ultimato de 60 dias na terça-feira aos russos para esclarecerem o que Washington considera uma violação do tratado de controle de armas de 1987, dizendo que serão forçados a iniciar um processo de seis meses de retirada se nada mudar.

Putin, em comentários televisionados, disse que Moscou era contra o desmantelamento do tratado, mas que os EUA já decidiram há muito tempo deixar o tratado e estavam culpando a Rússia por violações que pudessem servir de pretexto para sua saída.

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||