'Oposição apoiada por Riad violou resoluções da ONU ao ameaçar Assad de morte'

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

17 de março de 2016.

Bashar al-Jaafari, chefe da delegação de Damasco nas conversas de paz de Genebra, disse hoje à Sputnik que a ameaça feita na última terça-feira, 15, por um membro da oposição síria apoiada pela Arábia Saudita contra a vida do presidente sírio, Bashar al-Assad, viola uma série de resoluções do Conselho de Segurança das Nações Unidas.

"Ontem, a pessoa que representa a Jaysh al-Islam fez uma declaração irresponsável, na qual ameaçou matar o presidente da Síria. Ele estava incitando a cometer um ato terrorista. Isso é uma violação das resoluções 2253, 2299, 2278, 1989 e 1924 do CS", afirmou Jaafari, que é o representante oficial da República Árabe da Síria na ONU. 

Mohammed Alloush, líder político da Jaysh al-Islam, organização rebelde que recebe apoio da Turquia e da Arábia Saudita, ameaçou ontem assassinar o chefe de Estado da Síria, provocando grande revolta entre os representantes do governo presentes nas negociações de paz para o país que estão sendo realizadas nesta semana na Suíça.

Fonte: Sputnik.

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||