Navio militar chinês entra em águas japonesas próximas de ilhas disputadas

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

15 de junho de 2016.

Um navio militar da China entrou nesta quarta-feira nas águas do sudoeste do Japão, informou o governo japonês, o primeiro incidente deste tipo em mais de uma década, e que acontece uma semana depois da aproximação de uma fragata chinesa nas disputadas Ilhas Senkaku/Diaoyu.

A embarcação militar chinesa, que foi detectada por aviões P-3 das Forças de Autodefesa do Japão, navegava em direção ao sudeste e deixou as águas japonesas após permanecer por quase duas horas na região.

Um porta-voz do governo japonês confirmou este incidente incomum, e afirmou que o Japão pediu explicações aos chineses pelo fato, depois de ter apresentado na semana passada um protesto formal pela primeira aproximação de um navio militar da China às ilhas Senkaku/Diaoyu.

No último dia 9, uma fragata chinesa foi detectada "em uma área próxima a águas japonesas". No entanto, a embarcação vista hoje "entrou na demarcação do território japonês", ressaltou em entrevista coletiva o porta-voz do governo Hiroshige Seiko.

Embora sejam frequentes as aproximações de navios da guarda costeira em águas próximas das Senkaku/Diaoyu, o incidente da semana passada foi a primeira vez em que se tratou de uma embarcação militar.

Hoje também marca a primeira incursão de um navio militar chinês desde 2004, quando um submarino nuclear se aproximou da ilha de Ishigaki, no sul do Japão. 

Fonte: EFE.

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||