Mais pressão: Trump quer maior presença militar da OTAN no Leste Europeu

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

13 de abril de 2017. 

 

O governo do presidente dos Estados Unidos Donald Trump quer aumentar a presença de tropas da OTAN em países do Leste Europeu, segundo declarações do secretário-geral da entidade, General Jens Stoltenberg. A declaração foi dada nesta quinta-feira.

“A atual administração, o presidente e a equipe de segurança são muito favoráveis à adaptação da OTAN, que inclui mais forças da OTAN na parte oriental da aliança”, afirmou Stoltenberg à rede americana MSNBC.

Na quarta-feira, Trump e Stoltenberg tiveram a primeira reunião na Casa Branca, na qual discutiram questões variando desde a política dos EUA no Afeganistão até a abordagem da OTAN a respeito da Rússia na Ucrânia.

Após o início da crise ucraniana em 2014, a OTAN vem aumentando a sua presença em países do Leste Europeu, justificando que a Rússia estaria interferindo naquele conflito e, assim sendo, era preciso reforçar a presença da entidade na Ucrânia.

A decisão da aliança em enviar quatro batalhões multinacionais para Estônia, Letônia, Lituânia e Polônia foi anunciada por Stoltenberg após a cúpula da OTAN de julho de 2016.

Já Moscou vem emitindo alertas frequentes de que o aumento de tropas e equipamentos militares nas suas fronteiras é uma provocação, violando as garantias da OTAN, e por consequência representando um risco regional e global de desestabilização.

Fonte: Sputnik

https://br.sputniknews.com/europa/201704138144956-presenca-otan-leste-europeu/

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||