Maduro acredita que Trump vai tirar de guerras na Síria e Iraque

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

13 de novembro de 2016.

 

O presidente da Venezuela, Nicolas Maduro, declarou neste sábado (12) que o presidente eleito dos EUA, Donald Trump, interromperá a participação do país em guerras de diversas regiões do planeta.

"Trump representa a visão de milhões de americanos que também estão à espera para ver a estabilidade em seus empregos, esperando para ver os EUA saindo de guerras que acontecem na Síria, Iraque, Líbia, etc.", disse Maduro. 

Segundo o presidente venezuelano, está na hora dos EUA "deixar de ser um império e e se tornar um Estado forte e de paz". 

Ele também reiterou a sua vontade de construir boas relações com Washington, com quem Caracas nos últimos anos manteve permanentes diferenças e conflitos. 

"A Venezuela está sempre em ótimas relações com a sociedade americana, apesar do pesado fardo dos piorem momentos das relações com a elite de Washington, é uma pena que Barack Obama perdeu a chance dada por Hugo Chavez de estabelecer relações de respeito e cordialidade com a Venezuela", afirmou Maduro. 

Fonte: Sputnik

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||