Lavrov disse para Kerry ser 'inadmissível tratar a Frente al-Nusra de modo indulgente'

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

02 de outubro de 2016.

 

O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, e o secretário de Estado, John Kerry, discutiram por telefone a situação na Síria, inclusive a possibilidade da normalização da situação em Aleppo, informou a chancelaria russa neste sábado.

“No dia 1 de outubro, por iniciativa americana, foi realizada uma conversa telefônica entre o ministro das Relações Exteriores da Federação da Rússia, Sergei Lavrov, e o secretário de Estado, John Kerry. Os chefes dos órgãos diplomáticos deram seguimento à analise da situação na Síria, inclusive da possibilidade de normalização da situação em torno de Aleppo, onde grupos armados ilegais, apesar dos acordos russo-americanos de cessar-fogo, continuam os combates”, informou o ministério das Relações Exteriores da Rússia em sua página no Facebook.

O comunicado do ministério destaca que “muitos grupos da oposição síria ‘moderada’ recusam a deixar as fileiras da organização terrorista Frente al-Nusra, à qual o cessar-fogo não se aplica”.

“Lavrov também classificou como inadmissíveis as tentativas da oposição, apoiada pelo Ocidente, de tratar a Frente al-Nusra de modo indulgente, bem como de tentar bloquear a realização de negociações sírias para a solução política da crise”, informou a chancelaria russa.

Na última quarta-feira, Kerry disse ao Lavrov que os Estados Unidos estavam preparados para deixar de cooperar com Moscou na questão do regime de cessar-fogo na Síria. 

Fonte: Sputnik.

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||