Irã diz que Rússia não irá mais usar base aérea para ataques na Síria por ora

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

22 de agosto de 2016.

A Rússia não está mais usando uma base aérea iraniana para realizar ataques na Síria, informou o Ministério das Relações Exteriores do Irã nesta segunda-feira, interrompendo abruptamente uma mobilização inédita que foi criticada tanto pela Casa Branca quanto por alguns parlamentares iranianos.

Na semana passada, bombardeiros russos Tupolev-22M3 de longo alcance e caças-bombardeiros Sukhoi-34 utilizaram a base de Nojeh, próxima da cidade de Hamadan, no noroeste iraniano, para lançar ataques aéreos contra grupos armados na Síria.

Foi a primeira vez que uma potência estrangeira usou uma base iraniana desde a Segunda Guerra Mundial. A Rússia e o Irã vêm proporcionando um apoio militar crucial para o presidente sírio, Bashar al-Assad, contra os rebeldes e jihadistas durante o conflito de mais de cinco anos na Síria.

Alguns parlamentares iranianos classificaram a medida como uma violação da Constituição do país, que proíbe "o estabelecimento de qualquer tipo de base militar estrangeira no Irã, ainda que para objetivos pacíficos".

O ministro da Defesa da República Islâmica, Hossein Dehghan, minimizou essa crítica, mas também repreendeu Moscou por divulgar a medida, o que descreveu como uma exibição e uma "traição da confiança".

"Não demos nenhuma base militar aos russos, e eles não vieram para ficar", disse Dehghan, segundo a agência de notícias Fars, no final do domingo.

Ele disse não haver "acordo por escrito" entre os dois países e que a "cooperação operacional" era temporária e limitada a reabastecimento.

Na semana passada, o Departamento de Estado dos Estados Unidos afirmou que a ação era "infeliz, mas não surpreendente", e disse que estava verificando se ela violava a resolução 2.231 do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU), que proíbe o suprimento, a venda e a transferência de aeronaves de combate para o Irã.

Nesta segunda-feira, o porta-voz da chancelaria iraniana disse que a utilização da base por parte dos russos havia terminado.

"A Rússia não tem base no Irã e não está posicionada aqui. Eles fizeram isso (a operação) e encerraram por ora", disse Bahram Qasemi, de acordo com a agência de notícias Tasnim.

Na semana passada, o Ministério da Defesa do Irã havia dito que a Rússia teria permissão para usar a base de Nojeh "pelo tempo que precisar".

Fonte: Reuters.

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||