EUA acusa Rússia de ajudar a encenar ataque químico para debilitar trégua na Síria

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

08 de dezembro de 2018.

 

Os Estados Unidos acusaram nesta sexta-feira (7) a Rússia de ter propagado a tese de um ataque químico em Aleppo, efetuado, segundo o regime sírio, por "grupos de oposição", com o objetivo de debilitar um cessar-fogo frágil na província rebelde de Idleb.

Washington crê, ao contrário, que o regime sírio de Bashar Al Assad usou gases lacrimogêneos contra civis em um ataque em 24 de novembro para fazer crer que os rebeldes tinham efetuado um ataque com cloro, destacou o porta-voz do Departamento de Estado, Robert Palladino, em um comunicado.

Fonte: AFP

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||