Coreia do Norte diz que envio de bombardeiros é “provocação”

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

09 de julho de 2017.

 

A imprensa oficial da Coreia do Norte qualificou hoje de “provocação” o envio de dois bombardeiros dos Estados Unidos à península coreana para realizar manobras e advertiram que estes exercícios “poderiam ser o estopim de uma guerra nuclear”.

Pyongyang reagiu assim ao posicionamento na véspera de dois bombardeiros estratégicos B-1B americanos, que fizeram simulacros de ataques de precisão em território sul-coreano junto com caças deste país como sinal de advertência ao regime norte-coreano pelo seu teste com um míssil balístico intercontinental.

“Os Estados Unidos afirmam que posicionará de forma regular bombardeiros estratégicos na península da Coreia, um ato tão disparatado como brincar de acender fogo acima de um depósito de munição”, apontou hoje em um artigo de opinião o “Rodong Sinmun”, o principal jornal norte-coreano.

“Um simples erro ou malinterpretação poderia conduzir ao estalo de uma guerra nuclear e, por sua vez, isto traria sem dúvida uma nova Guerra Mundial”, acrescentou o jornal oficial do Partido dos Trabalhadores.

O artigo também justifica como “medidas legítimas de defesa” os testes de armas norte-coreanas, diante das “crescentes ameaças de guerra nuclear” contra Pyongyang por parte de Washington.

Fonte: EFE

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||