Caça indiano pousa a apenas 100 quilômetros da China

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

19 de agosto de 2016.

A pista de pouso modernizada (AGL, sigla em ingês) de Pasighat, na Índia, é considerada uma área estratégica e será uma das bases operacionais controladas pelo Comando Aéreo do Leste, capaz de receber todos os tipos de aviões e helicópteros.

Avião mais destruidor da Força Aérea indiana, Sukhoi-30MKI, realizou sua primeira aterrissagem na base Pagishat, situada no estado indiano de Arunachal Pradesh, inaugurando a pista de pouso modernizada, localizada a apenas 100 quilômetros da fronteira com a China.

O aeródromo renovado foi inaugurado na presença de Kiren Rijiju, Ministro da Administração Interna. 

O capitão indiano, Mohonto Panging, também estava presente na cerimônia de inauguração. Ele fez parte do grupo de pilotos do Sukhoi, que participaram de treinamento em Moscou. Posteriormente, Panging participou da viagem de fornecimento para a Índia do primeiro lote de 12 caças Sukhoi, que saíram de Moscou em 1997.

Segundo o ministro da Defesa da Índia, Arunachal Pradesh, o estado do Arunachal Pradesh possui 1.680 quilômetros de fronteira com outros países, dos quais 1.080 quilômetros fazem fronteira com a China. A Índia pretende modernizar mais duas pistas de pouso no mesmo estado.

Mais um projeto de modernização de pistas de pouso está previsto para ser concluído já no primeiro trimestre do próximo ano, no distrito de Tawang. O projeto já realizou 24% das obras. Em março e maio deste ano, foram inauguradas quatro pistas de pouso modernizadas no território indiano.  

Fonte: Sputnik.

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||