Atividade perigosa: EUA reforçam contingente militar na região do Báltico

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

31 de janeiro de 2017.

Os tanques norte-americanos Abrams colocados em sistema de rotação na Polônia serão transferidos no final desta semana para a Lituânia, Letônia e Estônia, comunica o Wall Street Journal.

Este reposicionamento será efetuado no âmbito dos exercícios militares americanos-poloneses que se iniciaram na segunda-feira (30) e no âmbito das manobras da OTAN e seus aliados batizadas de Atlantic Resolve que preveem o estacionamento de um milhar de militares e armamentos na Polônia, comunica o Wall Street Journal.

Sem esclarecer o número exato de veículos blindados que deverão ser transferidos, a mídia norte-americana indica que estes veículos e suas tripulações devem permanecer nos Países Bálticos até à primavera.

O estacionamento de tanques norte-americanos na Polônia é efetuado no âmbito do reforço das forças da Aliança no seu flanco oriental europeu. No total, as manobras mobilizam cerca de 3,5 mil militares, 87 tanques, 18 obuseiros autopropulsados Paladin, mais de 400 veículos Humwee e 144 blindados Bradley.

Moscou continua afirmando que se trata de uma provocação que pode desestabilizar equilíbrio de forças no continente europeu. O reforço da presença militar da OTAN na Europa é considerado por Moscou como um sinal negativo e perigoso.

Fonte: Sputnik

https://br.sputniknews.com/defesa/201701317558006-eua-polonia-relacoes-video/

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||