Vídeo: Meteoro cruza a Bahia e explode sobre o oceano Atlântico

"...e grandes sinais do céu." Lucas 21:11

21 de fevereiro de 2018.

 

Uma intensa bola de fogo rompeu na noite de terça-feira (20/fev) o céu de diversas cidades da Bahia e de acordo com análise feita pela Bramon explodiu a leste da Praia de Guarajuba, a 42 km de Salvador.

 

A rocha espacial rompeu a atmosfera às 22h27 pelo horário de Brasília e produziu um intenso clarão que foi visto desde Salvador até o leste de Sergipe.

 

Segundo análises feitas pela BRAMON - Rede Brasileira de Observação e Detecção de Meteoros - o objeto rompeu acima do Oceano Atlântico, a 30 km de altitude e foi registrado pela estação de monitoramento situada na cidade de Conceição do Coité. O objeto também foi flagrado por uma câmera de segurança instalada no município de Camaçari, também na Bahia.

 

 

Segundo o site do jornal Noticias da Bahia, diversos moradores de Salvador viram o momento em que a rocha incandescente rasgou o céu. Além da capital, há relatos de observação em Itaberaba, na região da Chapada Diamantina e também em Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo Baiano.

A câmera instalada no município de Camaçari registrou o instante exato da penetração do objeto na atmosfera, culminando com a explosão a cerca de 83Km da Praia de Guarajuba, sobre o oceano Atlântico.

Até o momento não há relatos de algum estrondo sônico produzido pela alta velocidade de deslocamento do objeto.

Meteoroides, Meteoros e Meteoritos
É sempre importante destacar a diferença entre os Meteoros, Meteoritos e Meteoroides.

Meteoroide é o nome dado a um fragmento ou rocha espacial, quando este ainda se encontra no espaço.

Meteoro é o fenômeno luminoso observado quando um meteoroide cruza a atmosfera terrestre. O nome mais apropriado seria foto meteoro, uma vez que a palavra meteoro pode significar qualquer fenômeno óptico ou acústico que se produz na atmosfera terrestre, como o vento, a chuva, o arco-íris etc. Sim, granizo e chuva são também meteoros.

Meteorito é a própria rocha ou fragmento espacial, que após passar pela atmosfera da Terra atinge o solo.

Fonte: Apolo 11.

voltar para Grandes sinais do céu

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||