Temperaturas sobem e ameaçam humanidade cada vez mais

"...e grandes sinais do céu." Lucas 21:11

31 de agosto de 2016.

 

O aquecimento global que está aumentando a ritmos extremamente altos, ameaçando a Terra e a humanidade.

Eis o que diz Gavin Schmidt, diretor do Instituto Goddard para Estudos Espaciais da NASA.

Segundo estimativas, desde outubro de 2015 cada mês tem sido recorde em termos de temperatura. Nos últimos 100 anos, as temperaturas têm sido dez vezes superiores se comparadas com o milénio anterior. 

Em entrevista ao jornal britânico The Guardian, o cientista revela que os últimos 30 anos foram excepcionais, destacando que não foi registrado algo igual em 1.000 anos.

Quanto aos próximos 100 anos, as previsões da NASA estão longe de ser positivas. A agência aponta que as temperaturas serão 20 vezes superiores à média histórica.

No ano passado a comunidade internacional se comprometeu a estabelecer um limite máximo de 1,5 graus Celsius no âmbito do Acordo de Paris. Neste contexto, segundo o pesquisador, para isso será necessário reduzir as emissões de dióxido de carbono, o que parece uma meta inatingível.

Ultrapassar os limites estabelecidos de temperatura poderá provocar consequências graves, devido ao degelo polar, seca, entres outros fenômenos da natureza, e causar enormes danos aos países em desenvolvimento.

Neste sentido, é importante que o mundo diminua a dependência dos combustíveis fósseis, alertam cientistas.

Fonte: Sputnik.

voltar para Grandes sinais do céu

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||