Março foi o mais quente já registrado na Alemanha

"...e grandes sinais do céu." Lucas 21:11

31 de março de 2017.

 

O mês de março deste ano foi o março mais quente já registrado na Alemanha desde o início da medição em 1881, segundo divulgou nesta sexta-feira (31/03) o Serviço Alemão de Meteorologia (DWD).  A média da temperatura foi de 7,2 ºC neste março, ultrapassando os 7ºC registrados nos anos de 1881, 1938 e 1989.

Em comparação com medições internacionais realizadas entre 1961 e 1990, este março foi cerca de 3,7ºC mais quente do que a média.

"Assim, este mês está dentro da tendência de mudança climática que esperávamos na Alemanha", afirmou o presidente do DWD, Gerhard Adrian.

A mudança climática já é visível na Alemanha. A primavera começa cada vez mais cedo e a fase de crescimento de plantas está mais longa. Desde 1961, o período de crescimento e floração das plantas aumentou cerca de duas semanas.

Já a floração de algumas espécies de plantas, que marcam o início da primavera, acontece cerca de duas semanas mais cedo do que na década de 1960. A floração da maçã na Alemanha também sofreu mudanças com o aquecimento global.

"Observamos que a floração da maça ocorre cerca de dez dias mais cedo nos últimos 25 anos", afirma Margareta Barth, do Departamento para Meio Ambiente e Proteção Ambiental de Baden-Württemberg.

Neste ano, porém, devido ao março quente, as maçãs floresceram ainda mais cedo. Nos últimos dez anos, a floração começava em média no dia 11 de abril, ou seja, onze dias mais tarde do que ocorreu em 2017.

Fonte: DW

voltar para Grandes sinais do céu

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||